-

altO vereador do município de Aripuanã, professor Luciano Demazzi (PT), se reuniu nesta semana com o diretor nacional da Empresa OI TELECOM, e representante do Ministério das Comunicações, para reiterar o pedido de instalação de telefonia celular em conselvan e aumento das linhas fixas disponíveis.

 

Os diretores informaram que se existe a demanda de ampliação de numero de linhas fixas, a empresa tem que colocar em estudo e dar prazo de ampliação de números de linhas telefônicas para a localidade, onde é proibido por lei mencionar que não existe nem previsão de novas linhas, caso isto ocorra cabe multa da Anatel para a empresa de telecomunicação.

 

“A ampliação de novas linhas vem atender a demanda crescente em Conselvan, que há muito tempo não tem linhas disponíveis. A ampliação de novas linhas irá fomentar o comércio e democratizar mais a comunicação” comenta Luciano.

 

Segundo ele, foi feito um abaixo assinado com mais de duas mil assinaturas para a instalação da telefonia móvel em Conselvan, “o diretor me informou que existem ainda três etapas de instalação de torre de celulares em Distritos e localidades afastadas da sede do município, e que o prazo final da primeira etapa é junho de 2014, podendo até este período ser instalado, e que o prazo final é 2016”.

 

“Informei junto aos diretores da OI TELECOM e do Ministério das Comunicações que Conselvan é maior que muitas cidades do Brasil e que já passou da hora de termos telefonia móvel, solicitamos assim que Conselvan seja incluída na primeira etapa e assim antes de junho de 2014 sejamos atendidos. Estamos pedindo tudo e a todos aqui em Brasília para que intercedam por nossas necessidades” relata o vereador professor Luciano Demazzi.

 

Outro ponto questionado por Luciano foi a inoperância das empresas de telefonia móvel na cidade de Aripuanã, onde informou ao representante do ministério que é comum várias vezes ao dia a população ficar sem sinal de operadoras, causando assim grandes transtornos e prejuízos.

Fonte: 
Redação: TOP NEWS